terça-feira, 24 de setembro de 2013

Carlos Santos – O amigo do povo




 Carlos José Oliveira Santos Carlos Santos. Nasceu em Salvaterra, Ilha do Marajó, Pará, em 12 de Novembro de 1951. Aos oito anos já falava no sonoros Carioca, serviço de autofalantes do Pai Carlos Santos Filho_ o seu Ari. Carlos anunciava os sabores de picolé e sucos vendidos na sorveteria do Pai. Já aos 13 anos, o jovem chegou a Belém. Era 1964 ano, o início da Ditadura Militar. Na época participou de programas de calouros, entre os quais o “Kzan Cerpa Show”, apresentado por Kzan Lourenço nos bairros e cidades do interior. Santos também participava aos sábados na Rádio Guajará AM 1280, onde imitava o cantor Paulo Sérgio.
Começou na Rádio Clube do Pará em 1972 participando do programa “Boa Noite Pará” na OT-Onda Tropical. Ele levava lançamentos de suas lojas para divulgar e anunciar as ofertas. A atração era apresentada por Jota Meninéia, patrocinado pela Discolux e Discolândia, as primeiras lojas de discos e que deram origem ao Grupo Carlos Santos. Também participava do programa, o Wilson Kawagem, proprietário do Armazém Kawagem. Trêz meses depois, transferiu-se para Rádio Guajará. Era 18 de Abril de 1973. Ali foi lançando o Programa Carlos Santos, aos domingos pela manhã e tinha como diretor Raimundo Sepeda.
Em Janeiro de 1975 aceitou o convite de Walter Guimarães e se transferiu para Rádio Liberal AM 1330 e lançou varias sequências de programa como “Roleta Premiada”, “Misturada Musical”, “Acertou Ganhou”, “Complete a Frase”, “A Sorte na Sua Casa”. Características, a época peculiares do comunicador, contavam com a participação do ouvinte por carta e telefone, além de distribuição de prêmios aos ouvintes, sempre. Outra característica marcante: a participação do Repórter da Felicidade, (Paulo Ferrer, Gilberto Martins, Adonai do Socorro) que ia até a casa dos ouvintes levando presentes para os ouvintes e clientes das lojas do Grupo Carlos Santos: Feirão discos e fitas, Manchete Modas e Avistão - o menor preço avista.
Em 1975, como parte das comemorações de seu aniversário, Carlos Santos comprou 200 ingressos e levou 100 crianças para brincarem no parque do Largo de Nazaré. E assim foi por muitos anos e não vai ser diferente este ano.

Carlos Santos ficou na Liberal até 31 de Dezembro de 1980. Em Março de 1981 estreou na Rádio Marajoara AM 1130 com grande Show do cantor Marcos Roberto. O artista era sucesso Nacional e o evento também teve a presença de artistas regionais. No final do contrato de um ano da atração, Carlos arrendou a Rádio Marajoara e no Dia 1º de Maio de 1982 comprou as Emissora Rádio Marajoara Ltda. E em Junho, na Copa do Mundo naquele ano foi lançada a campanha “Olho na TV, coração na Marajoara”. Foi um grande sucesso da época. O ano ainda reservava mais novidades. Por isso no mês de Outubro do mesmo ano Carlos Santos fez o maior show já realizado por uma emissora de rádio em Belém com mais de 100 mil pessoas na Praça da República. Este evento também contou com a participação de 22 cantores de sucesso nacional. Vale ressaltar que fora do rádio, Carlos Santos também é sinônimo de sucesso como cantor. Destaque para o sucesso “Quero Você”, entre outros. Carlos Santos volume 4 - "Quero Você" vendeu 1.200.000 copias
Na política, chegou a Governador do Estado do Pará ao assumir o lugar de Jáder Barbalho quando este deixou a cadeira e se lançou ao Senado. Também chegou a ser homenageado como tema e samba enredo de Escola Embaixada de Samba Império Pedreirense, no Carnaval de 2002.

Do rádio para a TV

Em 12 de Novembro de 1988 estreou o Programa Carlos Santos na TV no SBT canal 5, aos Sábados. Depois o comunicador passou a apresentar na TV Guajará, Canal 4. E se transferiu à RBA Canal 13 até que também ganhou outras regiões quando também passou a ser exibido na TV Diário de Fortaleza, Rede Bandeirantes de São Paulo, RBI de São Paulo. A Embratel, através de antenas parabólica, passou a exibir o programa para todo o todo o Brasil, na SKY, na Rede Brasil de Televisão.
O Programa Carlos Santos permanece no ar pela Super Rádio Marajoara AM 1130 aos domingos das 10h às 12h. O Programa Carlos Santos no Rádio e Televisão já abriu espaço para artistas consagrados e principalmente para os novos talentos. Entre estes nomes destacam-se Roberto Villar, Pinduca, Beto Barbosa, Frankito Lopes, Cia. do Calypso, Banda Calypso, Gaby Amarantos, entre tantos outros que iniciaram a carreira se apresentando no Programa Carlos Santos.

Este artista-radialista que tem como maiores inspiradores Roberto Carlos, Silvio Santos e Pelé, hoje também amigos pessoais. Admirador de Abraham Lincoln, ex-Presidente dos E.U.A e Steve Jobs _fundador Apple_ pela superação e talento de ambos, Carlos Santos lança em breve sua biografia também repleta de superação. O livro já tem nome: Carlos Santos - De camelo a governador, a história de um vencedor.

 Os planos de Carlos Santos são ainda mais audaciosos. Ele vai impulsionar a divulgação na internet. Pois tem mais de 20 mil seguidores no Twitter, (carlossantostv e carlossantostv1), mais de 3 mil no Instagram, (carlossantos8) e já passou de 5 mil na Fan-page, além de mais de 140 mil nos vários seus grupos e perfis no Facebook.


Carlos Santos é evangélico, casado com Aline Santos, Pai de 9 filhos, 6 netos e uma bisneta, gosta de rádio, TV, internet, livros, cinema, ficar em casa e viajar com a família.


2 comentários:

  1. gostaria de ver o grupo fascinasíon do pará dos anos 80



    ResponderExcluir
  2. Meu amigo Carlinhos, meu forte abraço daqui de São Paulo.
    Forte abraço, com saudade dos velhos tempos.

    Alamar RÉGIS - São Paulo, SP
    www.alamarregis.net

    ResponderExcluir